Excelente primeira impressão


Dênis Marques, que não jogava uma partida oficial desde 12/05/2010, tem uma estreia perfeita pelo Santa Cruz, 3 gols e uma atuação fantástica com a camisa tricolor. Os 3x1 devem-se uns 80% a ele. Desde o nosso último camisa 9 de verdade, Marcelo Ramos, o Santa Cruz não tinha um atacante que fizesse 3 gols em uma partida. Ótimo sinal.

Mesmo com a excelente estreia, ainda é cedo pra saber se Dênis Marques vai ser o novo matador do arruda, foi uma grande estreia, mas é só lembrar que Brasão, Souza e Flávio Caça-Rato também tiveram ótimas estréias e depois não conseguiram manter o nível. Espero que com Dênis seja diferente.

Apesar da grande noite do DM9, o Santa Cruz mais uma vez não fez uma boa partida no arruda. Com uma formação com Memo, Léo, Wesley e Luciano Henrique, onde apenas o Memo marcava no meio, o mesmo não deu conta e o que se viu no primeiro tempo foi o Porto tocando a bola com facilidade na intermediária defensiva do Santa. Aos 33 do primeiro tempo, aconteceu o que já era esperado, gol do Porto, de cabeça, em outra falha do Leandro Souza, alguém avisa a ele que ele pode pular nessas bolas jogadas na área do Santa.

O Santa não conseguiu se arrumar no meio para atacar, só levava perigo com chutes de longe e em jogadas do Dênis Marques. Branquinho teve mais uma horrível atuação, daquelas que o torcedor tem saudade do Caça-Rato, de tão ruim que o Branquinho foi. Só nos acréscimos da primeira etapa que o Santa conseguiu o empate, em bola cruzada na área, depois de um bate rebate a bola sobra para o estreante Dênis Marques balançar as redes pela primeira vez. Santa Cruz 1x1 Porto.

No intervalo, Zé Teodoro mudou o time para tentar corrigir tanto a marcação quanto a criação no meio, saiu o Léo que não marcava ninguém e o Wesley que estava errando muitos passes e não conseguia criar jogadas ofensivas para o time. No lugar dos dois entraram o volante Sandro Manoel e o meia-atacante Jefferson Maranhão. A mudança deu certo na parte defensiva, Sandro Manoel acabou com a cratera da defesa coral, junto com Memo conseguiram quase que anular as jogadas ofensivas do Porto no segundo tempo.

Aos 13 minutos, brilhou pela segunda vez a estrela do camisa 9 coral. Após uma nova rebatida na área do Porto depois de um passe do Luciano Henrique, a bola sobrou para Dênis Marques cara a cara com o goleiro, resultado: Santa Cruz 2x1 Porto.

Aos 15 minutos veio o lance para fechar o hat-trick do estreante, após a trapalhada do zagueiro e do goleiro do Porto, Dênis Marques se aproveitou e fez o seu terceiro gol. Santa Cruz 3x1 Porto.

Diferente do Dênis Marques, o lateral direito Diogo que também estreava pelo Santa Cruz não fez uma boa partida, o time como um todo errou muito, principalmente no primeiro tempo, mas quando se tem um verdadeiro camisa 9, pode-se ganhar um jogo mesmo não jogando tão bem. O time ainda tá se acertando, aos poucos vai melhorando. Temos os jogadores, falta a cara de time que acredito que Zé Teodoro dará ao Santa nas próximas semanas. Em tempos, é hora de comemorar a estreia de Dênis Marques e torcer para ele manter uma boa sequência, será que surgiu um novo ídolo?

Arthur Holanda

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.