2012 perde para 2011 e mais um erro de arbitragem


Mais uma vez, o Santa sai prejudicado pela arbitragem nos acréscimos. Com um gol legítimo do Dênis Marques anulado, o Santa Cruz perde para o Ypiranga por 1x0. Ypiranga este que jogou com a mesma filosofia que tinha o Santa Cruz em 2011, com uma ótima defesa aproveitaram a sua única chance e venceram a partida.

Jogando fora de casa, o Santa demorou em encaixar a marcação no início do jogo. O Ypiranga saiu pro jogo e foi melhor na partida nos primeiros 15 minutos. Leandro Souza que estava voltando à zaga no lugar do Éverton Sena demorou em encaixar a defesa com o William Alves.

Após a pressão inicial do time da casa, o jogo ficou equilibrado, com as defesas se sobressaindo aos ataques. Com a defesa do Ypiranga bem postada com 3 zagueiros, o Santa não conseguiu criar jogadas no primeira etapa. Renatinho apagado em campo, pouco contribuiu e Carlinhos Bala que também não vinha ajudando saiu lesionado para a entrada do Flávio Caça-Rato aos 40 minutos. Um 0 a 0 feio foi placar do primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e pouca coisa mudou, o Santa continuava sem conseguir furar a ótima defesa do Ypiranga. Aos 8 minutos, a primeira grande chance do jogo veio numa falta batida pelo Léo, que parou na trave do goleiro Geday, do Ypiranga. Aos 14 minutos, Zé Teodoro mudou a equipe colocando o atacante Geílson no lugar do lateral Dutra. A ideia era igualar o número de atacantes corais com os zagueiros do Ypiranga.

Só que aos 24 minutos, o Ypiranga teve a sua grande chance e não desperdiçou. Em um cruzamento pela direita, Ludemar bate a queima-roupa para uma grande defesa do Diego Lima, na sequência do lance Diogo comete pênalti em Marcos Mendes. Danilo Lins vai para a cobrança e faz Ypiranga 1x0 Santa Cruz.

Zé Teodoro tenta uma última mexida com o Luciano Henrique no lugar do lateral Diogo. Apesar de precisar do empate, o time coral conseguiu criar poucas chances de gol. Em um cruzamento do Renatinho, quase que o zagueiro do Ypiranga faz gol contra, Geday salva. Nos acréscimos, aos 48 minutos, em outro cruzamento de Renatinho, Geílson cabeceia para a ótima defesa do Geday, no rebote Dênis Marques empata o jogo, mas o bandeira Ubirajara Ferraz marca impedimento de forma equivocada. Pior para o Santa Cruz, termina Ypiranga 1x0 Santa Cruz.

Com a mentalidade de 2012 de buscar o jogo, de mandar na partida, o Santa Cruz sucumbiu justamente à filosofia apresentada em 2011 e muito bem reproduzida pelo Ypiranga. Com uma ótima marcação e jogando nos erros do Santa Cruz, o Ypiranga teve uma oportunidade e não desperdiçou.

O Santa não conseguiu criar como na última partida, Renatinho jogou abaixo do esperado e Léo e Wesley não conseguiram dar o último passe. Os laterais mais uma vez pouco fizeram ofensivamente, para quebrar a retranca do Ypiranga era necessário uma presença maior do Diogo e do Dutra. Bola pra frente e continuar trabalhando, não estamos tão mal nem estamos tão bem ainda, a equipe está em desenvolvimento e o trabalho tem que continuar para conseguirmos entrar no g-4 e se classificar para as semifinais.

Arthur Holanda

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.