Com golaço de Renatinho, Santa Cruz começa com vantagem mínima na semifinal do Pernambucano.

Na primeira partida que define o finalista do Campeonato Pernambucano Coca-Cola 2013, o time do Santa Cruz sai na frente com um belo chute de fora da área, do pequeno Renatinho. E com isso vencendo o time do Náutico por 1x0, dando uma vantagem mínima para o segundo jogo nos aflitos.

TIME: Claro que a intenção do time era repetir a boa atuação do primeiro jogo nos aflitos, para poder ter uma vantagem um pouco maior e facilitar na hora da decisão, até a escalação foi a mesma do primeiro jogo, porém o time alvirrubro veio mais dedicado ao jogo e dessa vez atuou mais concentrado em campo, assim complicando um pouco mais a vida do time tricolor. Coisa que não foi problema para o pequeno Renatinho, que acertou um lindo chute de fora da área. Lembrando que Renatinho foi o substituto de Natan que saiu aos 8 minutos do primeiro tempo após receber uma falta e sentir mais uma vez a sua lesão, notícia que preocupa mais uma vez a torcida.

1° TEMPO: O jogo começou um pouco calmo, os dois times recuados, sem muita presa e preocupações com o tempo, mas logo após a saída de Natan, com dores e a entrada de Renatinho, o time do Santa começou a tocar mais a bola e a jogar para frente e daí em diante que o time foi evoluindo. Mas mesmo com essa pequena evolução, o 1° tempo foi fraco, com poucas chances e com uma pequena liderança do time tricolor.

2° TEMPO: O jogo já começa melhor, com o time do Santa já querendo construir sua vantagem no começo do jogo, com o interesse de repetir o placar de 2x0 imposto nos aflitos,valorizou a posse de bola, controlou mais seus passes, evitou os famosos chutões, soube domina bem a bola e sair para o ataque tocando com calma a bola. E por isso, logo aos 5 minutos do primeiro tempo, na primeira bola livre do jogador, o pequeno Renato acertou um belo chute de primeira de fora da área, sem chances para o goleiro do Náutico.

Gol que deu ao time uma confiança grande e fez com que o time continuasse em coma para conseguir mais um, mas o time alvirrubro também tinha que fazer o seu e foi para cima, construindo boas chances, tendo um  pouco mais de posse de bola e por sorte do time tricolor, errando muitos chutes também. O que favoreceu ao mantimento do placar.

Como de costume, o jogador Caça-rato, foi pedido e aclamado pela torcida, principalmente depois que o técnico Martelotte ouviu a torcida e o chamou do banco de reservas. Jogador que serviu para dar velocidade ao time e cavar faltas, com a intenção de atrasar o time alvirrubro. Função na qual ele atuou muito bem.

Agora é só esperar para a partida do domingo que vem nos aflitos, em um jogo que o santa poderá até empatar, caso perca do mesmo placar de hoje, decidirá no número de cartões e por último caso, com sorteio. qualquer outro placar de derrota, dá Náutico.

José Peixoto Neto

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.