Santa Cruz consegue cassar liminar que o impedia de disputar a Série C

Sem precisar pisar no gramado, o Santa Cruz conquistou uma importante vitória na noite desta sexta-feira. Um triunfo, aliás, que permitirá ao clube continuar praticando sua atividade fim. Através de um enorme esforço do departamento jurídico tricolor, o clube conseguiu reverter uma determinação da Justiça do Trabalho que o proibia de disputar qualquer competição.

Na tarde da quinta, a CBF recebeu uma notificação assinada pelo titular da 11ª Vara federal, o juiz Francisco Glauber. A Confederação se via obrigada a eliminar o clube da Série C. Tudo por conta de um débito referente ao não pagamento de contribuições previdenciárias (IAPAS, atual INSS) nos idos de 1989. O negócio foi tão sério que a delegação do Cuiabá e o trio de arbitragem foram informados de que não precisariam mais viajar para o Recife, pois a partida seria automaticamente cancelada.

Com a corda no pescoço, o departamento jurídico recorreu ao Tribunal Regional Federal. E por volta das 22h da sexta, o desembargador da 5ª região, Manoel Erhardt, concedeu liminar cassando a determinação da 11ª Vara. "O que fizeram é um absurdo. Se matarem a galinha, como ela vai poder colocar os ovos? O clube não teria nem como honrar os acordos que vem honrando. Se a moda pega, nenhum clube do Brasil vai poder continuar funcionando", relatou uma fonte ligada ao clube no início da manhã deste sábado.

O presidente jurídico coral, Eduardo Lopes, confirmou toda a história revelada pelo site Superesportes. "Vivemos momentos de muita tensão. Fomos pegos completamente de surpresa, porque estamos no meio do processo de negociação deste débito e não esperávamos por isso. Ainda não chegamos ao acordo final, mas o clube não pode ficar impedido de realizar as suas funções enquanto isso. Caso contrário, não teríamos como sanar esta dívida."

Lopes adiantou ainda que não crê na reversão da decisão do TRF. "Esta já foi a segunda instância. Hierarquicamente, o TRF está acima da vara federal. Estamos atentos a tudo o que está acontecendo para evitar qualquer tipo de prejuízo ao Santa Cruz", destacou.
Com isso, a partida contra o Cuiabá está mantida sem qualquer alteração de dia ou horário.

Fonte: Superesportes

Santa Cruz News

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.