Santa Cruz vence Vitória da Conquista e se classifica no Nordestão

Santa classificado (Foto: Mario Bittencourt / Futura Press)

Nesta quarta-feira (5), o Vitória da Conquista recebeu o Santa Cruz no Estádio Lomanto Júnior, em partida válida pela sexta rodada da primeira fase da Copa do Nordeste 2014. Enquanto o time mandante já começou o jogo eliminado, a Cobra Coral buscava vencer para se garantir na segunda etapa da competição, na fase eliminatória. Em um duelo parelho, o Santa conseguiu a vitória por 1 a 0, dois dias após completar 100 anos de tradição no futebol nacional.

Agora, o tricolor pernambucano está classificado à segunda fase, na segunda posição do Grupo B, ao lado do CSA, primeiro colocado. Bahia e Vitória da Conquista estão eliminados da competição. O adversário do Santa Cruz sairá do grupo D, que conta com Sport, Náutico, Botafogo-PB e Guranny-CE. A chave ainda está indefinida e os quatro times têm possibilidades de ingressar na segunda fase.

Diferente do que foi comentado às vésperas do jogo, o Bode Alviverde não facilitou a vida da Cobra Coral, demonstrando que o profissionalismo deve estar acima de tudo, bela postura do time do técnico Evandro Guimarães.

Jogo bastante equilibrado na etapa inicial

Logo no primeiro ataque, por muito pouco o Santa Cruz não passou à frente. Depois de confusão na área do Bode, Raul cruzou para Renatinho. O baixinho, livre de marcação, cabeceou e a bola carimbou o travessão do goleiro Augusto. A pressão demonstrou a que veio o Mais Querido na partida. Apesar disto, o Vitória da Conquista respondeu. Aos 6 minutos o lateral Paulo Vitor teve grande chance, mas finalizou fraco, nas mãos de Tiago Cardoso.

Aos 13, Luciano Sorriso cobrou falta perigosa, porém, o arqueiro Augusto defendeu com certa tranquilidade. Com 20 minutos, o Bode Alviverde teve chance claríssima. Paulinho cruzou na cabeça de Wander, que cabeceou uma bola tirando tinta da trave Tiago Cardoso. Em contrapartida, o Santa não perdia tempo. Aos 25, Caça-Rato deu belo passe para Renatinho, que quase abriu o placar.

A altura do gramado prejudicava um pouco o time tricolor, enquanto os jogadores do time da casa, acostumados com o campo, levavam sutil vantagem.


Aos 33 minutos, Oziel tentou surpreender com um chute muito forte, mas, o goleiro do Bode fez a defesa em dois tempos. Aos 41, o atacante Wellington quase faz um golaço para os donos da casa. O atacante recebeu passe e bateu colocado para Tiago Cardoso fazer a grande defesa do primeiro tempo. Pouco depois disso, o árbitro encerrou a etapa inicial.

Gol do Santa e classificação no segundo tempo

Com o empate parcial, somado a uma vitória parelela do Bahia, o Santa Cruz estava sendo eliminado do Nordestão. O que gerou grandes expectativas para a segunda etapa, afinal, só interessava a vitória ao Mais Querido. Apesar disto, quem começou a segunda etapa assustando foi o Vitória da Conquista. Moisés cabececou bola perigosa aos 3 minutos, o “Paredão” Coral salvou novamente.

O capitão do Bode Alviverde chegou novamente com perigo, aos 7 minutos, mas a bola saiu por fora da meta tricolor. O Santa não estava bem na partida, e precisava urgentemente de alguma mudança. Com isto, aos 15 minutos o técnico Vica colocou Pingo na vaga de Renatinho, deixando seu time com três atacantes. Pouco depois, Jefferson Maranhão entrou na vaga de Raul.

Mesmo sem conseguir criar muitas chances, o Mais Querido chegou ao gol que abriu a contagem no Lomantão. Luciano Sorriso cobrou falta e o zagueiro Renan Fonseca, cabeceou de costas para deixar o Santa em vantagem. Foi o suficiente para tranquilizar o time de Vica em meio a forte chuva que caia em Vitória da Conquista.

Aos 40 minutos, o “Paredão” do Santa ainda salvou outra vez. Depois de uma falha da zaga Coral, Tiago Cardoso espalmou a bola para longe, garantindo os três pontos e a classificação do Mais Querido à segunda fase. Com três minutos a mais, o árbitro cearense encerrou a peleja, cravando o tricolor como o primeiro pernambucano classificado na Copa do Nordeste.

Felipe Holanda

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.