Impasses na equipe coral e, claro, envolvendo a questão financeira do clube

     Tony informa que  Santa Cruz e  Grêmio estão encontrando dificuldades para a permanência dele no Arruda, isso se dá devido ao pagamento do salário do atleta. Mais uma vez a questão financeira prejudica o clube. O Grêmio pagava e ainda paga 100% do salário do jogador na temporada 2014, o Santa gostaria que o Grêmio continuasse pagando o valor integral, mas o Grêmio quer que o Santa pague uma parte. E o impasse prossegue.

                                             Tony quer permanecer no Santa Cruz (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)


     As contratações seguem em ritmo lendo, Constantino Júnior espera contratar, até a próxima temporada, cerca de 15 jogadores, segundo ele, 7 ou 8 cheguem para brigar por uma vaga na titularidade. Ele quer formar uma equipe com, aproximadamente, 30 jogadores, incluindo titulares, reservas e jogadores da base, disponibilizando várias opções para o técnico Ricardinho.
                       Constantino Júnior espera anunciar  reforços nos próximos dias (Foto: Aldo Carneiro / PE Press)

     E ele torcedor, com três meses de salário atrasados, é praticamente obrigado a permanecer no clube coral mesmo recebendo proposta de vários clubes nacionais e até internacionais. Zé Teodoro teria recomendado Caça Rato à diretoria do Remo. Segundo o jogador, essa pendência da equipe coral com ele e sem possibilidades de uma proposta para a próxima temporada, causa entraves e, por isso, ainda não definiu o clube que defenderá em 2015.


                            Flávio Caça-Rato ainda tem pendências com o Santa Cruz (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Rodrigo Santana

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.