Luiz Fumanchu, cadê ele?



Jorge Luiz da Silva. Para muitos, apenas Luiz Fumanchu. Nascido em Castelo, no Espírito Santo, região sudeste, o jovem começou sua trajetória no futebol ainda muito cedo, com 14 anos. Encorajado, o garoto, em oportunidade aberta pelo seu irmão, abraçou as cores do Fluminense/RJ. Ali sim, iria inicar a brilhante e marcante carreira do ponta-direita que ficou conhecido internacionalmente. 

Do Vasco da Gama ao Sport, Fumanchu deixou sua marca: gols, assistências, dribles. Ao desembarcar no Santa Cruz viveu momentos áureos. Em 1975, o Tricolor Pernambucano chegou à semifinal do Campeonato Brasileiro. Foi construída uma marca até então inédita no Nordeste: a quarta colocação da principal competição do país. O feito foi tão grande que o atleta chegou a ter o nome cogitado para defender a Seleção Brasileira na Copa da Argentina, em 1978. 

Hoje, aos 61 anos, Fumanchu segue firme no futebol. Trabalha como apresentador e comentarista esportivo na Rádio Cultura FM, em sua cidade natal. Chegou a preparar-se para treinar clubes de futebol, porém, devido a instabilidade, optou por outro caminho.

Fumanchu exercendo sua atual profissão. (Foto: Odia IG)

Santa Cruz News

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.