Ricardinho balança no cargo e já não conta com apoio de diretores

Foto: Superesportes
A situação de Ricardinho no Santa Cruz, ao que parece, está insustentável. Com péssimos resultados dentro de campo na disputa da Série B, onde soma quatro derrotas e uma vitória, o técnico não é mais apoiado por importantes dirigentes, como Sandro Barbosa e Jomar Rocha. Para conturbar ainda mais a relação, o comandante tem feito repetidas cobranças de uma melhor condição de trabalho para os jogadores, sem levar em consideração à crise financeira que o clube está enfrentando.

"Quando a gente tem convicção de um trabalho, continuamos com ele. Mas Ricardinho precisa abraçar a causa. Ele precisa entender que o Santa Cruz conseguiu sair da Série D, conseguiu quatro títulos estaduais se arrastando, na maior dificuldade. Queremos saber se ele abraça a causa do Santa Cruz", disse Sandro. 

As questões salariais, que foram cobradas publicamente por alguns atletas do clube, não são justificativas plausíveis para os resultados ruins dentro de campo.

"Ricardinho analisa a situação um pouco diferente de nós. O Santa Cruz tem algumas dificuldades. Estamos devendo o mês de abril. Pagamos o mês de março e a maioria da premiação do Pernambucano. Não há briga por conta disso. Não é esse o problema" concluiu Jomar, diretor de futebol.

Santa Cruz News

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.