Martelotte reconhece que equipe correu riscos, mas valoriza os três pontos


Os atletas corais foram guerreiros. Com pouco tempo para descanso e gramado castigado pela chuva forte que insistia em cair no Arruda, o Santa Cruz voltou a somar três pontos na Série B ao vencer por 2 a 1 o Mogi Mirim. Assim, ciente dos fatores que contribuíram para o futebol desenvolvido dentro de campo, Marcelo Martelotte destacou o empenho da equipe e a consistência na busca pelo resultado positivo. 

"Temos tido um aproveitamento bom, o que é importante. Temos tido qualidade para definir as jogadas. Falhamos hoje em alguns momentos, mas tivemos a criação, as oportunidades surgiram. Nos portamos bem no setor defensivo. Como, não marcamos o terceiro, acabamos correndo os riscos", analisou. 

O desempenho do sistema defensivo rendeu aplausos da torcida. Não é para menos: todas as jogadas áreas foram anuladas, rendendo ao Mogi buscar mais o jogo e oferecer espaço para contra-ataques. O momento hoje é outro, temos confiança. Ganhamos praticamente todas as bolas aéreas. Os zagueiros saíram bem nos confrontos. É preciso ter tranquilidade e organização. Tanto é que o Tiago praticamente não fez defesas durante o jogo e principalmente no segundo tempo", disse Martelotte. 

Com outro desafio na sexta-feira (14), quando encara o vice-líder Vitória, na Bahia, Marcelo foi pontual, afirmando que treinos táticos são praticamente inviabilizados pela agenda curta.
"Esta semana é difícil de pensar em treinos, pois jogamos daqui a três dias. Lógico que não é o ideal ficar sem treinar de um jogo para o outro", finalizou o comandante. 

Foto: Globo

Santa Cruz News

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.